Comércio natalino deve superar as expectativas pré-pandemia, segundo Fecomércio-MA

Segundo o levantamento da Fecomércio Neste fim de ano, o cenário, 57,1% dos entrevistados indicaram que irão presentear no dia de Natal

Neste fim de ano, o cenário para o comércio de São Luís deve ser de boa recuperação. É o que aponta a Pesquisa de Intenção de Compras para o Natal 2021, realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Maranhão (Fecomércio-MA). O levantamento mostrou perspectiva de alta no volume de vendas, apresentada por 57,1% dos entrevistados que indicaram que irão presentear no dia de Natal.

O dado representa um aumento de 6,6 pontos percentuais em relação ao estudo realizado em 2019, no qual 50,5% dos entrevistados declararam intenção de presentear na referida data. A parcela dos entrevistados que não iriam presentear caiu de 41,6%, em 2019, para 26,1% em 2021, sinalizando que mais pessoas devem ir às compras.

Esta data comemorativa de 2021 sinaliza ser uma das melhores dos últimos dois anos para o comércio, diante redução das medidas restritivas. Com a retomada dos postos de trabalho na capital e, consequentemente, a mais disponibilidade de renda para as famílias, a maior fatia dos consumidores ludovicenses tem a intenção de gastar mais de R$ 400,00 com o regalo natalino, o que corresponde a 38,6% dos entrevistados, representando um aumento de 15,7%. Neste ano, o valor médio da compra de é R$ 483,00.

“Considerando a elevação da expectativa do comerciante, apontada nos últimos meses nas pesquisas de ‘Confiança do Empresário do Comércio’, realizadas mensalmente pela Federação, o crescimento na intenção de consumo no fim de ano é uma sinalização de que os estoques do comércio terão maior fluidez, e até uma possível ampliação, visando atender esta demanda potencial por produtos”, aponta o presidente da Fecomércio-MA, José Arteiro.

Perfil do consumidor

Neste ano, o consumidor que deve ir às compras natalinas tem um perfil ‘mais gastador’, fato fortemente positivo ao comércio varejista da capital que sinaliza a recuperação econômica neste momento. O levantamento sinaliza que a intenção de presentear por homens ou mulheres, está equilibrada. Com 57,2%, as mulheres levam ligeira vantagem na intenção de presentear neste Natal.

Já os homens somam 57,1% entre os entrevistados predispostos a comprar algum presente. Sobre a faixa etária, os consumidores com 36 anos ou mais, apresentam maior intenção de compra, somando o percentual de 61% dos entrevistados desse público com interesse em presentear. Aqueles com faixa etária entre 21 e 35 anos ocupam o segundo lugar no perfil entre os que interesse em realizar compras no Natal.

Nota

A Pesquisa de Intenção de Compras para o Natal 2021 foi realizada entre os dias 10 e 13 de novembro de 2021, no município de São Luís, com a aplicação de 740 questionários, nos mais diversos pontos da cidade. O nível de confiança do levantamento é de 95%, com margem de erro estimada em 3,6% para mais ou para menos. O público-alvo desta pesquisa foram os consumidores com idade igual ou superior a 18 anos, que possam reproduzir o perfil de consumo local.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s